sábado, 13 de abril de 2019


A Aliança Francesa de Niterói e o 
Instituto Cultural Germânico apresentam o 
7º Salão de Artes Visuais CCFA de Niterói.



O Centro de Cultura França Alemanha (CCFA), inaugurado em maio de 2006 em Niterói, é o sétimo de seu gênero no mundo e o primeiro no Brasil. Trata-se de uma tendência internacional de cooperação entre países europeus baseada na idealização da União Europeia e firmada entre a França e a Alemanha a partir do Tratado de Amizade Franco-Alemão de 1963, conhecido como Tratado do Elysée. O objetivo principal da implantação deste centro é o de promover uma relação harmoniosa entre seus membros e o país e a comunidade que os acolhe, como é o caso de Niterói, favorecendo uma valiosa troca cultural entre seus cidadãos e fortalecendo, assim, o sentido humanitário e social desta empreitada, estreitando ainda mais os laços de amizade entre o Brasil, a França e a Alemanha.
Inscrições 
 02 a 31 de maio de 2019

Resultado pré-selecionados 
 07 de junho de 2019

Envio do material dos pré-selecionados 
10 a 29 de junho de 2019

Resultado final 
 05 de julho de 2019.

Abertura do 7° Salão de Artes Visuais CCFA 
 15 de agosto de 2018 (quinta-feira), às 19h, na galeria ICG. 
A Mostra ficará aberta a visitação de
16 de agosto a 14 de setembro de 2019.

sexta-feira, 10 de agosto de 2018



Salão de Artes Visuais traz humor
e  bela profusão de cores
 
Aliança Francesa Niterói e Instituto Cultural Germânico mostram 14 artistas selecionados

Criado pela Aliança Francesa Niterói (AFN) e o Instituto Cultural Germânico (ICG), o Centro de Cultura França-Alemanha promove a sexta edição do Salão de Artes Visuais em Niterói, com participação de 14 artistas selecionados do Rio, Niterói, São Paulo, São Gonçalo, Nova Iguaçu, Iguaba e Macaé. A entrada é franca e o evento terá vernissage na quinta-feira, 16 de agosto, às 19h, na Aliança Francesa Niterói. A mostra estará aberta para visitação de 17 de agosto a 22 de setembro, simultaneamente, nos espaços culturais das duas instituições, ambas em Icaraí.
O Salão apresenta ampla variedade de trabalhos artísticos, reunindo pinturas, desenhos, gravuras, fotografias e vídeos. A seleção dos 14 artistas entre 35 inscritos passou pela avaliação de uma comissão formada pelo diretor do Museu de Arte Contemporânea (MAC), Marcelo Velloso, do diretor do ICG, Ricardo Freitas, e da diretora da AFN, Julie Mailhé.  Os dois vencedores do 6º Salão de Artes Visuais ganharão exposições individuais em 2019. O resultado será divulgado no vernissage - um dos artistas vai expor na AFN e o outro no ICG.
Entre os artistas selecionados está Daruich Hilal, morador de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Artista desde criança, ele é filho de imigrantes sírios e passou parte da adolescência em Damasco, onde também estudou pintura. No Salão de Artes, ele mostrará trabalhos que exploram técnicas com elementos do classicismo. "A proposta é ironizar o sentimento obsessivo do homem contemporâneo na busca pelo corpo padronizado e perfeito", diz Daruich.
Os trabalhos da artista visual e poeta Mozileide Neri, do Rio de Janeiro, também estarão presentes na exposição. Ela traz o projeto "O peso das vogais longas", que celebra um encontro entre imagens e palavras. Suas telas já participaram de exposições em Kolkata (Índia), Villa Verdi (Itália), e Paris (França). Já Hugo Moutinho, designer gráfico formado pela Universidade Federal Fluminense (UFF), apresenta “Formação da Identidade”. Segundo ele, a ideia é desconstruir a linguagem visual tradicional, propondo uma nova leitura dos aspectos comunicacionais do homem. Através de figuras literais, ele utiliza, em seus trabalhos, representações de antena de rádio, de telefone e sinais de internet .
Os visitantes poderão conhecer também as telas de Regina Lima. Doutora em Literatura Comparada pela UFF, ela vai expor trabalhos com o tema “Pequena África”, que sobrepõem pinturas de orixás sobre fotografias de paisagens do Rio de Janeiro. "O objetivo é mostrar a beleza das tradições africanas herdadas pelos brasileiros", diz Regina. Já a fotógrafa Amanda Morais se inspirou no quadro "Ofélia", do pintor inglês John Everett Millais, e na estética do Caravaggio para apresentar o projeto "Foto Pintura". Estarão presentes ainda peças dos artistas Carolinne Maciel, Bruno Neves, Gaya Rachel, Matheus Mello, Pedro Magalhães, Quézia Lopes, Renato Carvalho, Stephanie Boechat e Tamirys Araujo.
O Centro de Cultura França-Alemanha, inaugurado em maio de 2006 em Niterói, é o sétimo de seu gênero no mundo e o primeiro no Brasil. Seu principal objetivo é promover uma valiosa troca cultural entre os países e a cidade que o acolhe, estreitando ainda mais os laços de amizade entre o Brasil, a França e a Alemanha.

Serviço: O 6° Salão de Artes Visuais terá vernissage no dia 16 de agosto, às 19h, na Aliança Francesa Niterói, e pode ser visitado de 17 de agosto a 22 de setembro nas duas instituições.
Aliança Francesa Niterói: de segunda a sexta-feira, das 9h às 20h30, e aos sábados, das 9h às 12h (Rua Lopes Trovão, 52 – Icaraí / 2610-3966).
Instituto Cultural Germânico - de segunda a sexta-feira, das 15h às 20h (Av. Sete de Setembro, 131 – Icaraí / 2714-0879).
Entrada: franca | Classificação: livre

                                                                         Seguem alguns trabalhos ganhadores.